RESENHA DE UMA HISTÓRIA DE VERÃO – POR PAM GONÇALVES
RESENHA DE UM BEIJO Á MEIA-NOITE – POR ELOISA JAMES
RESENHA DE OS PÁSSAROS – POR FRANK BAKER

[5x5] Por que você deveria ler Flores Partidas?

24 janeiro 2018

Hoje, por meio da coluna 5x5 aqui do Galáxia de Ideias, trago para vocês as minhas impressões a respeito de um livro que li no finzinho de 2017, em um momento em que estava tomada por um desânimo de ler qualquer coisa, e que acabou se tornando uma das melhores leituras que já fiz nessa vida: Flores Partidas, de Karin Slaughter. São 5 motivos pelos quais este livro me ganhou totalmente e, para finalizar, 5 quotes. Vamos lá?





1) O suspense imposto pela história é um dos mais envolventes e intrigantes que já vi.

Se você é fã deste gênero e ainda não conhece o Flores Partidas, quando conhecer, provavelmente, vai se fazer a mesma pergunta que eu me fiz durante o livro todo: "como é que eu não li isso antes?". Ele tem a capacidade de nos manter alerta a cada página, com a sensação de que algo importante vai acontecer a cada minuto, dentro e fora da história. Sim, eu confesso que levei alguns sustinhos e me senti um tanto quanto paranoica ao longo da leitura.







2) Todas as personagens são extremamente bem construídas. 

De início, eu tive uma certa dificuldade em me ligar às protagonistas, o que logo se resolveu devido à empatia que ambas me causaram e a força que emanam, cada uma a seu modo. Além disso, a construção bem feita das personagens é tanta que, em certo ponto, eu me peguei acreditando no vilão e desconfiando de quem não fez mal algum.







3) É um livro surpreendente. 

Ainda a respeito de personagens, todos eles me deram muito mais do que eu esperava, para o bem e para o mal. A força vinda de alguns e a maldade vinda de outras foi algo que me chocou, várias vezes.






4) É um dos livros mais descritivos que já li (e eu amo de paixão livros bem descritos). 

Neste caso em especial, a descrição feita com esmero pode ser um problema para alguns, mas não foi para mim. Digo isso porque trata-se de uma história com algumas cenas violentas, torturas físicas. E todas elas são muito bem detalhadas. Normalmente, eu tenho um estômago forte à cenas de agressão, sangue e coisas do tipo, já li histórias inclusive mais fortes neste quesito do que esta, mas poucas me deixaram enjoada de verdade, como esta me fez sentir em certos momentos. Gosto de livros que me puxam para dentro de si e me despertam sensações fortes, sejam elas quais forem, e este soube bem como atender a isso.







5) É um livro impactante. 

Marcante mesmo, do tipo que me fez ter sonhos relacionados a ele durante uma noite toda. Eu cheguei ao fim da leitura sentindo um misto de amor, desespero, tristeza, admiração e tantas outras coisas que nem sei dizer. Ele me fez refletir, chorar e vibrar, a cada capítulo e um pouco além.






Vamos aos quotes agora.

"ASSIM QUE VOCÊ DESAPARECEU, sua mãe me alertou que descobrir exatamente o que tinha acontecido seria pior do que nunca saber. Discutíamos muito por isso porque discutir era a única coisa que nos mantinha unidos naquela época.
— Saber os detalhes não vai facilitar as coisas — disse ela. — Os detalhes vão acabar com você.
Eu era um homem descrente. Precisava de fatos. Contra minha vontade, minha mente não parava de elaborar hipóteses. Raptada. Estuprada. Maculada."

"A voz de Paul. Ela conhecia a voz dele. Claire envolveu o corpo do marido com braços e pernas. Puxou-o para junto de seu peito. Pressionou os lábios na lateral da cabeça dele. Sentiu o calor se esvaindo do corpo.
— Paul, por favor. Fique bem. Você precisa ficar bem.
— Estou bem — disse Paul, e parecia ser a verdade, até não ser mais.
O tremor começou nas pernas e ganhou força ao atingir o resto do corpo. Os dentes bateram. As pálpebras tremeram.
Ele disse:
— Amo você.
— Por favor — sussurrou ela, escondendo o rosto no pescoço dele. Sentiu o cheiro da loção pós-barba. Sentiu um pedaço áspero de pele, que ele havia se esquecido de barbear de manhã. Em todas as partes em que ela o tocava, a pele estava muito, muito fria.
— Por favor, não me deixe, Paul. Por favor.
— Não vou — prometeu ele.
Mas deixou."

"— Vi na página policial hoje. — Rick estava visivelmente relutante, mas continuou. — Aconteceu há três dias. Paul Scott, arquiteto, casado com Claire Scott. Eles estavam no centro da cidade. Foram assaltados. Paul levou uma facada. Morreu antes de chegar ao hospital. O enterro é amanhã.
As Mães começaram a comemorar de novo, batendo palmas. Dee tinha marcado outra cesta. Lydia observou a filha correr pela quadra. A garota das mãos enormes pegou a bola. Dee não desistiu. Correu atrás dela. Era destemida. Era destemida em todos os aspectos de sua vida. E como não seria? Ninguém nunca a havia derrubado. A vida não havia tido a chance de feri-la. Nunca havia perdido ninguém. Nunca havia sabido o que era a dor de não ter alguém a quem amava.
— Vai dizer alguma coisa? — perguntou Rick.
Lydia tinha muito a dizer, mas não deixaria Rick ver aquele seu lado; aquele lado irado e brutal que ela havia anestesiado com cocaína e, quando a cocaína era demais, empurrava com comida.
— Liddie?
Ela balançou a cabeça. Lágrimas escorreram pelo rosto.
— Só espero que ele tenha sofrido."

"É SEU ANIVERSÁRIO HOJE, O quarto que passo sem você. Como sempre, tiro um tempo para ver nossas fotos de família e deixar as lembranças me tomarem. Só me dou esse prazer uma vez por ano, porque me entregar a todas essas lembranças preciosas é o que me faz atravessar os incontáveis e intermináveis dias sem você."

"— Ele não me machucou. Era um bom marido. Um bom homem. Cuidava de mim. Fazia com que eu me sentisse segura. Ele me amava."

Por fim, eu recomendo Flores Partidas para qualquer um que seja fã de um bom suspense, de histórias intensas e impactantes, em todos os sentidos.








Isabela Rocha
Estudante de jornalismo. Apaixonada incorrigível pelas palavras.
Aventuro-me por todos os gêneros,
desde romances água com açúcar, até os temíveis terror / suspense.
11 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

11 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Não sou fã de livros de suspense, mas essa história parece muito boa.Agora fiquei com vontade de saber o final da história.

    ResponderExcluir
  2. Só por vc ter dito que é suspense, já me interessei. AMO esse gênero e ano passado não consegui ler tantos livros =/. A dica está mais do que anotada *_*

    ResponderExcluir
  3. Suspense não é um gênero que me atrai, mas com certeza é uma ótima indicação para os amantes desse tipo de livro.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  4. Oiê!
    Não posso dizer que sou fã do gênero suspense, já li algumas obras, umas gostei, outras nem tanto... Não conhecia Flores Partidas e só pela lista e quotes que você disponibilizou, não me senti tão instigada assim a fazer essa leitura. Vou pesquisar um pouco mais sobre o livro para ter uma opinião mais sólida.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Eu não sou muito fã de livros com descrições demais, acho que tudo o que for importante para o desenvolvimento da trama está valendo, mas em excesso eu não gosto e me cansa. MAs enfim, eu estou curiosa com esse livro e gostei da sua postagem

    ResponderExcluir
  6. Ola, estou muito curiosa para ler esse livro ele me parece ser interessante em varios aspectos vou adicionar na lista

    ResponderExcluir
  7. Se eu já estava curiosa para ler esse livro, agora estou mais ainda depois de ler esse post! Amo livros surpreendentes.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Ja li uma resenha desse livro e me deixou bem curiosa,vi o livro no skoob,mas a capa nunca me chamava a atenção para parar e ler.
    Adoro livros de suspense,com reviravoltas e muitas loucuras é um gênero bastante interessante.
    Fiquei ainda mais curiosa sobre o livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. tbm amo livros com narrativas bem construídas e descritivas, desde que não sejam maçantes... mas pra ser franca contigo, a premissa desse livro não me atraiu... =T
    bjs...

    ResponderExcluir
  10. Oi. Me convenceu, gosto de livros descritivos e com personagens bem construídos, só bastava isso para eu querer ler, também curtir os quotes que você selecionou.

    ResponderExcluir
  11. Olá Isabela, eu não conhecia o livro, mas já estou mega curiosa para lê-lo *-* Parece estar incrível.

    ResponderExcluir

 
© Galáxia de Ideias, VERSION: 01 - BLUE UNIVERSE - janeiro/2018. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Widget inspirado/base do menu por MadlyLuv
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo