RESENHA DE A MULHER NA JANELA – POR A.J. FINN
RESENHA DE CONTAGEM REGRESSIVA – POR KEN FOLLETT
RESENHA DE UM SEDUTOR SEM CORAÇÃO – POR LISA KLEYPAS

[Resenha] O estranho - por Kristen Ashley

24 maio 2018

Título: O estranho [O homem dos meus sonhos # 1]
Autor (a): Kristen Ashley
Páginas: 576
Editora: Fábrica 231
Skoob || Goodreads
Compre: Amazon 



Sinopse: Primeiro da série bestseller O Homem dos Meus Sonhos, da norte-americana Kristen Ashley, que chega ao Brasil pela coleção erótica Violeta, "O Estranho" conta a história de Gwen Kidd, uma mulher bonita, atraente e determinada, que se entrega a um relacionamento peculiar com um perfeito sedutor que aparece todas as noites em sua cama, envolvendo-a num excitante jogo de sensações, e a deixa sem que ela perceba, antes do amanhecer, sem que ela saiba ao menos o seu nome. Mas quando Gwen precisa ajudar a irmã, que se envolveu com uma gangue da pesada, e as duas passam a correr perigo, o lado protetor de seu amante misterioso vem à tona. Será que aquele louco relacionamento pode se revelar algo bem mais complexo?



Gwen conheceu um homem num bar há um ano e meio e passou aquela noite com ele, sem nem ao menos saber seu nome. Desde então, esse homem aparece, em noites alternadas, na casa da Gwen, eles passam a noite juntos e ele vai embora, sem dizer praticamente nada. Tanto é que, um ano e meio depois, ela ainda não sabe seu nome. 

As coisas começam a mudar quando Ginger, a irmã problemática da Gwen, se envolve em mais uma roubada com algumas pessoas que não agem exatamente dentro da lei. E dessa vez parece que a coisa é muito séria e envolve até mesmo gangues! Gwen é ameaçada e tem sua casa invadida, sendo que isso faz aflorar o instinto protetor do homem com ela passou tanto tempo, mas mal conhece. Quem ele é? Será que pode mesmo ajudá-la?




Olá orbitantes.
Essa série despertou meu interesse depois que li uma resenha sobre o segundo volume (dessa série), que alegava que ser um livro totalmente diferente dos outros do gênero. Isso aguçou minha curiosidade na hora e li o livro assim que tive oportunidade. Só que, como sou um ser problemático, jamais conseguiria iniciar uma série pelo segundo livro, mesmo sendo histórias independentes, por isso tive que ler O Estranho primeiro.

Os homens em geral eram um mistério para mim. Eu não tinha a menor noção de porque eles faziam metade da merda que faziam, e há muito tempo decidira não querer saber. Você poderia passar décadas tentando entender essa merda sem conseguir nunca. Eu havia chegado à conclusão de que a ignorância é uma bênção, quando se tratava de homens. Aprendi a seguir com o fluxo e esperava não ser muito triturada no processo.

Bom, tenho que dizer que passei raiva com esse livro no começo. Achei a Gwen uma pamonha, que perde a vontade própria quando um homem bonito fala com ela (sim, qualquer homem bonito!). E do nada o estranho aparece querendo mandar nela e demonstrando saber tudo sobre a vida dela, e ela aceita tudo numa boa. Tudo bem que era por questões de segurança, mas se fosse comigo eu ia querer pelo menos igualar a situação e querer saber tudo sobre ele também.

Outra coisa que me incomodou é que o mocinho é mandão, controlador e possessivo. Quando a Gwen estava brava com ele e não queria escutá-lo, ele a encostava na parede e a obrigava a ouvir. Mais uma vez, entendo que a maioria das vezes que ele fez isso foi por questões de segurança ou de sensualidade mesmo, aquela coisa de “me joga na parede e me chama de lagartixa”. Mesmo assim, me senti incomodada por ela ser “obrigada” a fazer algo que não queria.

Ele podia ser mandão e muito do que fazia pirava minha cabeça ou me deixava puta, mas quando era amável, generoso, sexy e aberto era melhor do que nos meus melhores sonhos.

Com o tempo, depois da metade do livro, apesar de ter passado raiva com eles, os dois personagens acabaram conseguindo me conquistar, conforme entendi melhor suas personalidades e histórias de vida. O romance tem muitos altos e baixos, bem no estilo do que acontece em Belo Desastre. E também no estilo de em Belo Desastre, um dos grandes atrativos é termos um mocinho intenso, completamente dedicado e que ama com todas as suas forças. Mesmo não sendo o mais correto do mundo, quem não gostaria de ser alvo desse tipo de dedicação?

Outro ponto positivo é que não se trata de uma mocinha inocente e virginal. Na verdade, a Gwen já foi casada e só aceitou a situação com o estranho porque ele é muito bom de cama. Falando nisso, o livro é classificado como erótico, só que, sinceramente, eu não acho que seja. Tem somente uma cena erótica um pouco mais descritiva, as demais são apenas sugestões do que acabou de acontecer ou do que está prestes a acontecer, ficando o restante a cargo da imaginação do leitor. Para terem uma ideia, acho que os livros da série Os Hathaways têm mais cenas eróticas que este livro. 

A Gwen tem duas melhores amigas, a Cam e a Tracy. A Cam trabalha na polícia, é analítica e realista e acha a relação da Gwen com o estranho uma loucura, que tem que acabar antes que ela se machuque. Já a Tracy é romântica e sonhadora e acha que o estranho pode ser tudo que a Gwen sempre sonhou. Sim, as duas são ótimas e é muito legal serem tão diferentes.

E sim, vou continuar chamando-o de estranho aqui na resenha. O nome dele é revelado logo no início do livro, mas acho interessante descobrirem junto com a personagem, caso decidam ler o livro.

Se tivesse a opção, eu daria 3,5 estrelas para esse livro. Mas como não tem, eu dei 4, porque já li o segundo livro e é realmente muito bom e totalmente diferente de tudo que já li no gênero, dei 5 estrelas para ele. Então, por favor, se você não gostou dos elementos que destaquei deste livro, não desistam da série, deem uma lida na resenha sobre o segundo livro, que devo postar nas próximas semanas e vou deixar o link AQUI!

- Você está indo até o fundo comigo, não está, querido?
- Estou me afogando em você.

Assim, indico esse livro para quem busca um romance recheado de ação, com direito a incêndio, invasão, tiroteio, sequestro, e um casal que tem um relacionamento explosivo, cheio de altos e baixos. E devo ressaltar que no final leitura valeu a pena, mesmo com os elementos que me incomodaram.

Espero que tenham gostado da dica.
Fiquem de olho que logo tem mais!





Barbara M. Cabalero
Advogada, concurseira e apaixonada por livros desde criança.
Meu gênero favorito é fantasia, mas sou bastante eclética,
leio quase todos os gêneros.
28 Comentários | BLOGGER
Comentários | FACEBOOK

28 comentários:

  1. Tudo bem?
    Não costumo ler esse gênero. Leio mais fantasia, thriller.
    Já tinha visto resenha desse livro antes, mas não me chamou atenção.
    Essa dica vou passar.

    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Olá! Apesar de nunca ter lido nem mesmo a sinopse desse livro antes, confesso que não conhecia nada dele além do nome e da capa. Mas ele não me atraiu, nem na sinopse e nem nos elementos que destacou dele, mas, como pediu, vou ficar de olho pra conhecer o segundo... Quem sabe esse não faz eu me interessar?
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro e nem sabia da existência dessa série. Porém, pela sua resenha ficou claro que não é uma leitura que me agradaria. Aliás, eu acho que o mais provável que eu tacasse o livro na parede.
    Eu detesto mocinhas como a Gwen que não podem ver um homem bonito que já se comportam como se perdessem a capacidade de pensar. E mesmo você falando que acabou se apegando a ela e ao estranho, eu não sei se teria a mesma paciência. Aliás, deu para perceber na resenha que ele é o tipo de mocinho que eu mais detesto, o homem mandão e possessivo que quer controlar a protagonista o tempo todo. Para mim, nada justifica esse tipo de comportamento e me irrita quando isso é romantizado nos livros com a desculpa de ser apenas cuidado e amor da parte dele.
    Infelizmente, é uma leitura que não é para mim mesmo e, por isso, não pretendo ler a série. Mesmo que você tenha gostado tanto do segundo e que eles sejam independentes, eu só leio séries na ordem e esse eu com certeza não lerei.
    No entanto, adorei a sinceridade da sua resenha e acredito que para quem gosta do gênero acho que vale a pena dar uma chance para a série.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Falar que o livro é totalmente diferente dos outros do gênero também chama minha atenção e adorei saber que achou a moça uma pamonha rsrs, a tempos não via essa expressão. Agora saber que o mocinho é um machão, isso não me agrada. Por outro lado, gosto quando a autora deixa as coisas a cargo do leitor, esse lance de sugestionar o que pode acontecer é muito bom. Nossa fiquei super em cima do muro com esse livro, então só lendo para saber se amo ou odeio rsrs.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Barbara! Bom, comecei achando super doido essa mulher que dorme com um cara há um ano e meio sem nem saber o nome do sujeito. Pensei, hum, legal.. Mas aí me vem aquela mesma lenga lenga do cara controlador e possessivo, que quer mandar na mulher e a boba aceita porque o sexo é maravilhoso.. Blé.. Achei meio fraco.. Bom, você disse que gostou muito do segundo livro, quem sabe eu não o leia e decida dar uma chance ao primeiro? Hahahah Obrigada pela dica!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu não tinha visto nada a respeito dessa obra, porém como não sou muito chegado a esse gênero de livro, não ligo muito par a lançamentos rsrs. Achei a capa bem padrãozinho de livros do tipo! Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi, Barbara.
    Logo de cara já me identifiquei com você, porque não consigo ler os livros de uma série fora da sequência, então sempre vou procurar pelo primeiro volume!
    Sobre a história do livro, acho que eu ficaria um pouco incomodada com esse comportamento meio bobo da protagonista, então confesso que me desanimei!! Mas então, vem você dizer que o segundo livro é incrível!!! ... Ai que dúvida cruel!!!!!!!! Quero muito ler o segundo, mas não quero ler fora de ordem e não quero ler esse primeiro!! O que fazer???? Rs...
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  8. Não comecei a série ainda mas já peguei raiva dessa pamonha, quero dizer da Gwen. Por segurança ou não ela tem que ter voz ativa.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  9. Olá, ainda não conhecia esse livro. Achei bem louco isso de estarem se vendo há algum tempo mas ela não saber muito sobre ele. Não curto mocinhos mandões, mas pela sua resenha eu vou considerar dar uma chance à série.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Bárbara! Eu tenho raiva de livros que tratam a protagonista como pamonha e que fica babando por causa de homem e acabam sendo personagens sem personalidade, pelo menos até certo ponto. Em todo o caso, achei bacana vc expor os lados positivos e negativos e ainda que vale a pena prosseguir com a série.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  11. Personagem masculino mandão e a feminina sem personalidade realmente incomoda na leitura, o livro parece bem curioso, apesar de eu não ter curtido a capa, entretanto, mesmo com os problemas apontados, fiquei curiosa.

    ResponderExcluir
  12. Só de ler sua resenha consegui identificar alguns elementos na história que me incomodariam muito durante a leitura, por isso vou passar a dica! Mas espero que você goste ainda mais dos próximos volumes da série e aproveite todas as histórias.

    http://anneandcia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Eu amo o segundo livro dessa série! É tão mais intenso e divertido. Esse primeiro me parece uma grande obra sobre como homens podem ser protetores e possessivos ao mesmo tempo. Tenho minhas ressalvas a respeito dessa obra, me soa quase um relacionamento abusivo.

    ResponderExcluir
  14. Não curti muito a personagem principal, como falaram aqui em cima, parece um relacionamento abusivo. Achei interessante seu apontamento de que o livro é classificado como erótico, mas não tem tantas cenas assim.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Gosto da escrita da Kristen Ashley e essa série é bem queridinha. Apesar de ter vários cliches dos romances reunidos, gosto da combinação dos personagens irritantes e explosivos. No final curto essa junção.
    Espero ler suas considerações do próximo livro logo.

    Beijos!

    Camila de MOraes

    ResponderExcluir
  16. Olá! Tudo bom?

    Já li essa série anteriormente, porém esse não é o meu livro favorito, mas não é o menos favorito também. Gosto dessa escrita longa da Kristen, eu leio bem rápido, então acabo tendo uma preferência por livros maiores. Adorei o fato de você não citar o nome dele na resenha, arrasou de verdade haha Eu quero muito ler todas as histórias de novo, principalmente por adorar a ação que tem e todo o resto ♥

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá Bárbara,
    Ainda não conhecia nenhum livro dessa autora e confesso que, apesar de achar alguns pontos interessantes, não fiquei curiosa para ler esse livro, não gostei de alguns pontos que você ressaltou. No entanto, como você disse que o segundo volume é bom, vou anotar a dica do segundo volume.
    Gostei muito da sua resenha e sinceridade.
    Beijos!
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?

    Não conhecia essa obra e estou agora querendo saber o nome do dito. Amo esse tipo de história, e mesmo com suas ressalvas, estou querendo muito ler. Vou anotar essa dica, e correr atrás dos livros!

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Oiii tudo bem???

    Não faz muito meu estilo esse livro, a capa ja me afasta, e saber que o mocinho é mandão.
    Meu deus não da.
    Apesar de tudo você ainda indicar, não sei se eu lesse faria o mesmo,
    adorei a sinceridade na resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  20. Olá
    Já vi a capa desse livro, mas nunca procurei saber mais a fundo sobre o enredo, realmente parece ser muito bom, talvez as atitudes iniciais de ambos os personagens também me irrita. Quando você fez redereferê a Belo Desastre eu já comecei a gostar mais, por que é um dos meus livros favoritos. Fiquei curiosa para lwrbobsegunle tambem já que você falou que é algo totalmente diferente. Gostei muito da sua resenha. Um abraço!!

    ResponderExcluir
  21. Olá,

    Sua resenha só serviu para reforçar que esse livro não é para mim. Antigamente, eu seria a primeira a ler e adorar, mas, hoje em dia não tenho mais paciência para livros desse estilo, com cenas sensuais e protagonistas masculinos idiotas.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bom?
    Mesmo com tantas recomendações sobre o segundo livro da série, não a leria, justamente por causa desse primeiro livro. As coisas que te irritaram no começo do livro seriam coisas que me fariam abandoná-lo de cara e só de saber que tem uma pegada meio de belo desastre em algum ponto dele, bem, eu já me desanimei totalmente =/ Mas gostei muito da resenha, muito bem escrita! Só que desta vez eu passo a sugestão =/
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Oi tudo bem?
    Vou ser super honesta: TENHO PAVOR de mocinhos assim. Existe uma linha muito fina entre possessividade e cuidado que passa ser relacionamento claramente abusivo. Com isso, mesmo que ambos se amem e seja """explicado"" com o passado e suas personalidades, certas atitudes não descem mais pra mim e não consigo achar bonito e romantizar. Belo Desastre é um belo exemplo disso e só me toquei anos depois. Enfim, eu leria pra tirar minhas conclusões, analisar com calma, mas certamente estaria desconfiada e meio crítica. Amei que foi sincera e destacou esse detalhe. Obrigada por isso e pela indicação! Beijos

    ResponderExcluir
  24. Oi, Barbara

    Quer tirar toda minha vontade de conhecer um livro? É só comparar com Belo Desastre! Hahahaha
    Sério, Belo Desastre é o pior livro que já li na vida, sinto raiva só de lembrar. E olha, vou te contar que achei a história bem inverossímil... acho que não leria esse livro, o que é um problema, porque também sou um ser problemático e não gosto de ler livros fora de ordem... comonfaz então? Ahahhahahaha

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  25. Apesar de você ter já avisado para não desistir da leitura da série por conta deste volume, eu não curto muito séries que um de seus volumes não consegue continuar trazendo a essência do que foi começado, por isso sempre busco ler críticas da série para poder ver se início a leitura. Dessa vez, passo a dica.

    ResponderExcluir
  26. Oii.
    Ainda não li nenhum romance dessa autora, mas estou muito curiosa para conhecer porque tem muita gente falando bem. Eu entendo vc porque ultimamente estou lendo tantos romances com mocinhas pamonhas que acaba tirando um pouco do brilho da história.
    Adorei a resenha.
    Abraços,Mary ♥

    ResponderExcluir
  27. Oiee Barbara ^^
    Um dos motivos de eu não querer ler esse livro é por saber que o mocinho é possessivo e mandão, e eu odeio isso! Quando li a série Belo Desastre eu amava com todas as forças, mas naquela época eu amava todos os livros que tinham bad boys...haha' hoje não consigo nem olhar para ele. Saber que a Gwen fica pamonhando no começo também não ajuda. Talvez um dia eu arrisque a leitura por saber que o livro não fica só nisso, mas por enquanto não *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir

  28. Sua opinião foi bem abrangente e eu gostei bastante da forma como se expressou. Não é meu gênero preferido e confesso que não me chamou a atenção. Mesmo assim, obrigada por apresentar a obra.

    ResponderExcluir

 
© Galáxia de Ideias, VERSION: 01 - BLUE UNIVERSE - janeiro/2018. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Widget inspirado/base do menu por MadlyLuv
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo