RESENHA DE A MULHER NA JANELA – POR A.J. FINN
RESENHA DE CONTAGEM REGRESSIVA – POR KEN FOLLETT
RESENHA DE UM SEDUTOR SEM CORAÇÃO – POR LISA KLEYPAS

[Resenha] A Colônia - por Ezekiel Boone

08 agosto 2018

Título: A Colônia
Autor (a): Ezekiel Boone
Páginas: 272
Editora: Suma de Letras
Skoob || Goodreads
Compre: Amazon  || Submarino

Sinopse: Nas profundezas de uma floresta no Peru, uma massa negra devora um turista americano. Em Mineápolis, nos Estados Unidos, um agente do FBI descobre algo terrível ao investigar a queda de um avião. Na Índia, estranhos padrões sísmicos assustam pesquisadores em um laboratório. Na China, o governo deixa uma bomba nuclear cair “acidentalmente” no próprio território. Enquanto todo tipo de incidente bizarro assola o planeta, um pacote misterioso chega em um laboratório em Washington... E algo está tentando escapar dele. O mundo está à beira de um desastre apocalíptico. Uma espécie ancestral, há muito adormecida, finalmente despertou. E a humanidade pode estar com os dias contados.


"Ele tentou prestar mais atenção, e então ouviu alguma coisa. Sons ritmados. Folhas esmagadas. Quando se deu conta do que era, um homem apareceu de repente no ponto onde a trilha desaparecia em uma curva. Até mesmo a cem metros de distância, estava nítido que havia algo errado. O homem viu Miguel e gritou, mas Miguel não entendeu as palavras. O homem então olhou para trás e, ao virar a cabeça, tropeçou e tombou com força.
Algo que parecia um rio preto surgiu de repente atrás dele. O homem só conseguiu ficar de joelhos antes de a massa escura o cercar e cobrir.
Miguel deu alguns passos para trás, mas percebeu que não queria se virar. O rio preto continuou em cima do homem, agitando-se e se acumulando, como se contido por uma barragem. Havia movimento, pois o homem submerso continuava se debatendo. Então o caroço se desfez. A água preta se espalhou para cobrir a trilha. De onde Miguel estava, parecia que o homem tinha desaparecido.
E então a escuridão começou a avançar na direção dele, seguindo pela trilha e se aproximando com rapidez, quase tão veloz quanto uma pessoa seria capaz de correr. Miguel sabia que deveria fugir, mas o silêncio da água era quase hipnótico. Ela não rugia como um rio. Na verdade, parecia absorver o som. Só dava para escutar um sussurro, um farfalhar, como o ruído de uma garoa. O movimento do rio tinha uma beleza própria, pulsante, e, em alguns pontos, dividia-se e formava correntes distintas até se reagrupar um pouco depois. Conforme se aproximava, Miguel deu mais um passo para trás, mas, quando se deu conta de que não era um rio de verdade, de que aquilo não se assemelhava em nada com água, já era tarde demais."

Mike Rich é um agente que está se preparando para suas tarefas quotidianas habituais como policial, além de tentando, sem grande êxito, aceitar o casamento da ex mulher e consiliar os horários de trabalho e de ficar com sua filha, Annie. Não muito longe dali, Melanie, uma renomada cientista, vive o drama de decidir sobre terminar ou não o relacionamento casual que mantém com um de seus alunos da universidade onde leciona, Tronco. Uma relação que se iniciara após seu casamento com Manny, que agora é braço direito e amante da Presidente dos Estados Unidos, Stephanie, chegar ao fim. Era para ser apenas um dia comum, entre vidas que se entrelaçavam de alguma forma e conflitos pessoais que cada um buscava resolver à sua maneira. Entretanto, em um número elevado de bolsas de ovos espalhadas pelo país e uma arma mais letal do que qualquer um era capaz de imaginar, particularidades tiveram de ser deixadas de lado e todos se uniram em um único objetivo: sobreviver.




Isabela Rocha
Estudante de jornalismo. Apaixonada incorrigível pelas palavras.
Aventuro-me por todos os gêneros,
desde romances água com açúcar, até os temíveis terror / suspense.

[Resenha] Tarde Demais - Por Colleen Hoover

25 julho 2018

Título: Tarde de mais
Autor (a): Colleen Hoover
Páginas: 384
Editora: Galera Record
Skoob || Goodreads
Compre: Amazon

Sinopse: A autora best-seller do The New York Times está de volta com um romance ainda mais sombrio, intenso e assustadoramente real.
Para proteger o irmão, Sloan foi ao inferno e fez dele seu lar. Ela está presa em um relacionamento com Asa Jackson, um perigoso traficante, e quanto mais os dias passam, mais parece impossível enxergar uma saída. Imersa em uma casa incontrolável que mais parece um quartel general, rodeada por homens que ela teme e sem um minuto de silêncio, também parece impossível encontrar qualquer motivo para se sentir bem. Até Carter surgir em sua vida.
Sloan é a melhor coisa que já aconteceu a Asa. E se você perguntasse ao rapaz, ele diria que também é a melhor coisa que já aconteceu a Sloan. Apesar de a garota não aprovar seu arriscado estilo de vida, Asa faz o que é preciso para permanecer sempre um passo a frente em seu negócio e proteger sua garota. Até Carter surgir em sua vida.
A chegada de Carter pode afetar o frágil equilíbrio que Sloan lutou tanto para conquistar, mas também pode significar sua única saída de uma situação que está ficando insustentável.
Colleen Hoover não tem medo de escrever sobre assuntos delicados e Tarde demais prova isso. Perpassando as formas mais cotidianas de machismo até as formas mais intensas e cruéis de abuso, a autora mergulha na espiral atordoante que é um relacionamento abusivo.


"Apesar da boa aparência, Asa tem seus defeitos. Na verdade, sua aparência deve ser a única coisa na qual não vejo defeitos. Ele é arrogante, tem temperamento forte, é difícil de lidar às vezes. Mas me ama. Ele me ama pra cacete. E eu estaria mentindo se dissesse que não o amo também. Se pudesse, eu mudaria muitas coisas em Asa, mas ele é tudo que tenho no momento, então aguento. Ele me trouxe para casa quando eu não tinha mais para onde ir. Ninguém mais com quem contar. Só por este motivo eu o aturo. Não tenho escolha.
Asa ergue uma das mãos e seca a boca, jogando a garrafa vazia no lixo. Ele passa as mãos pelo cabelo castanho e grosso e pisca para mim. Então se joga na cama e se aproxima, me beijando suavemente na boca.
— Boa noite, gata — diz ele, deitando-se de costas.
— Você quer dizer bom dia — corrijo, levantando com relutância da cama."

Festas e barulho dia e noite, gente entrando e saindo de casa o tempo todo e um namorado cuja forma ilegal de ganhar dinheiro não lhe agrada, mas de quem ela precisa. Essa tem sido a vida da jovem Sloan, desde que foi morar com Asa. Uma constante agonia por não saber com que tipo de cara ela terá de lidar na próxima hora, que bagunças encontrará ao chegar em casa e, claro, pelas noites em claro que todo esse clima lhe proporciona, o que faz com que ela seja obrigada a dormir nas aulas da faculdade. Apesar de seu jeito autoritário, Asa parece adorá-la e, o que ela acredita, jamais deixaria qualquer mal lhe acontecer. Além disso, o namorado tem condições financeiras e disposição para arcar com gastos do irmão mais novo de Sloan, que necessita de cuidados médicos que custam muito mais do que ela pode pagar. Isso já é motivo suficiente para que ela aceite ficar onde está. Entretanto, suas perspectivas e sentimentos começam a mudar quando ela conhece Carter, um misterioso colega de classe com quem logo se vê conversando e flertando.




Isabela Rocha
Estudante de jornalismo. Apaixonada incorrigível pelas palavras.
Aventuro-me por todos os gêneros,
desde romances água com açúcar, até os temíveis terror / suspense.

[TAG] Lendo com e ao som de... Gilda

24 julho 2018

Olá novamente, orbitantes da Galáxia de Ideias, tudo bem? Adivinhem quem veio com mais uma tag literária original? Sim, eu mesma gente! Que caso seja sua primeira vez lendo o blog ou se já leu algo meu aqui, mas não lembra, saberá ou sabe que sou muito fã de uma cantora argentina chamada Gilda (1961 – 1996), que já ganhou pelo menos três posts aqui no blog, aqui, este e mais esse. Agora mais um, só que em forma de tag literária em que eu associo um livro a uma música da cantora. Vamos ver o que eu escolhi?




Renata Cezimbra
Professora desempregada, leitora voraz,
escritora doida e vampiróloga amadora.

[Defesa literária] O estranho – por Kristen Ashley

19 julho 2018
Título: O estranho [O homem dos meus sonhos # 1]
Autor (a): Kristen Ashley
Páginas: 576
Editora: Fábrica 231
Skoob || Goodreads
Compre: Amazon

Sinopse: Primeiro da série bestseller O Homem dos Meus Sonhos, da norte-americana Kristen Ashley, que chega ao Brasil pela coleção erótica Violeta, "O Estranho" conta a história de Gwen Kidd, uma mulher bonita, atraente e determinada, que se entrega a um relacionamento peculiar com um perfeito sedutor que aparece todas as noites em sua cama, envolvendo-a num excitante jogo de sensações, e a deixa sem que ela perceba, antes do amanhecer, sem que ela saiba ao menos o seu nome. Mas quando Gwen precisa ajudar a irmã, que se envolveu com uma gangue da pesada, e as duas passam a correr perigo, o lado protetor de seu amante misterioso vem à tona. Será que aquele louco relacionamento pode se revelar algo bem mais complexo?



Olá orbitantes.
Hoje venho aqui fazer algo que nunca imaginei que faria: defender um livro de uma resenha que eu mesma escrevi (QUE FASE!!!!!).

Depois que eu publiquei a resenha sobre o livro O estranho recebi um monte de comentários, a maioria de pessoas afirmando que não leriam o livro por conta de alguns elementos que destaquei no decorrer do meu texto, e me senti mal por isso, porque definitivamente minha intenção não era desestimular as pessoas a lerem essa obra.




Barbara M. Cabalero
Advogada, concurseira e apaixonada por livros desde criança.
Meu gênero favorito é fantasia, mas sou bastante eclética,
leio quase todos os gêneros.

[5 motivos para ler] O Pequeno Príncipe - Por Antoine de Saint-Exupéry

17 julho 2018


Oi, meus orbitantes lindos e amados da Galáxia de Ideias, tudo bem? Hoje, ao invés de trazer uma resenha, eu resolvi trazer um top cinco de motivos para ler um livro. O escolhido? O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry, que depois do Alcorão e da Bíblia, é o livro mais traduzido do mundo. NENHUMA resenha que eu escrevesse poderia expressar tudo o que eu senti lendo esse livro. Juro do fundo do coração que estou falando a mais pura verdade.

A minha edição sendo da Geração, de 2017, sendo a sétima reimpressão dele e tradução de Frei Betto, que eu comprei na Livraria Saraiva da Rua nos Andradas no Centro há alguns meses puramente de curiosa que sou porque tinha um bom tempo que eu queria saber o porquê desse livro ser tão amado por tanta gente a ponto de ser considerado um dos maiores clássicos da literatura mundial.




Renata Cezimbra
Professora desempregada, leitora voraz,
escritora doida e vampiróloga amadora.
 
© Galáxia de Ideias, VERSION: 01 - BLUE UNIVERSE - janeiro/2018. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda. Widget inspirado/base do menu por MadlyLuv
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo